O Outro Lado do Paraíso: Adinéia aceita homossexualidade de Samuel e implora para que Cido more com ele

Samuel e Adineia O Outro Lado do Paraíso

Samuel e Adineia O Outro Lado do Paraíso

Depois de voltar a morar com Samuel (Eriberto Leão) depois do psiquiatra de separar de Suzy (Ellen Rocche), Cido (Rafael Zulu) se sentirá incomodado e ameaçará ir embora novamente da casa do amado alegando não ser bem vindo no local. O ex-motorista de Sophia (Marieta Severo) arruma suas malas para ir embora quando Adinéia (Ana Lúcia Torre) pede que ele não se vá.

“Eu não quero que você vá embora. Se você for, eu vou junto”, diz Samuel atordoado. “Não, não vá. Eu… gosto de você, Cido. É apenas que eu achava que meu filho seria mais feliz tendo uma família tradicional. Eu não quero te perder, meu filho. Não vá embora, Cido. Fica! Eu prometo mudar de atitude. Faço teus pratos prediletos. Te mimo, Cido. Te trato como rei”, implora Adinéia.

Resumo Semanal: Novela “O Outro Lado do Paraíso” – 23/04/2018 a 28/04/2018

A mãe de Samuel continua: “Eu não quero que o Samuel vá embora, não quero ficar nesse apartamento sozinha. Pretendo ajudar a criar minha neta, que virá ficar conosco com frequência. Quero ter o meu filho por perto, sou tão apegada a ele. Eu gosto de você, Cido. Só não queria aceitar que gosto. Prometo ser uma sogra maravilhosa”. Cido então aceita continuar no apartamento.

Cido e Samuel se declaram um para o outro, e mais tarde decidem comemorar a decisão de continuarem juntos na cama. Adinéia escuta os rangidos da cama mas acaba não se importando: “Rangidos! Vivendo e aprendendo. Definitivamente, não existe cura gay. Não existe cura porque não existe doença. O Cido não é doente. Muito menos, meu filho Samuel é doente. Simplesmente, eles se amam!”, diz ela sozinha.

%d blogueiros gostam disto: