Com medo de perder doações para o Teleton, SBT pede que Portiolli apague mensagens pró-Bolsonaro

Com medo de perder doações para o Teleton, SBT pede que Portiolli apague mensagens pró-Bolsonaro

Celso Portiolli (Divulgação/SBT)

Celso Portiolli (Divulgação/SBT)

Celso Portiolli foi o centro das atenções nesta semana ao defender a campanha com lema da ditadura do SBT – a emissora parou de exibir após duras críticas. Além disso, o apresentador do Domingo Legal, que declarou apoio a Jair Bolsonaro, discutiu com seguidores em suas redes sociais.

O comportamento de Portiolli não pegou bem dentro da emissora, segundo o site Notícias da TV. O canal de Silvio Santos teme que as atitudes do apresentador prejudiquem as doações para o Teleton, uma vez que Celso é um dos padrinhos da campanha social que começa nesta sexta-feira (09). Por essa razão, a direção pediu que ele amenizasse o tom e excluísse as mensagens.

Celso Portiolli defende vinhetas do SBT a favor de Bolsonaro e discute com internautas

“A direção comemorou a expulsão de Nadja Pessoa de A Fazenda, da Record. Isso mudou o foco nas redes sociais e o volume de reclamações direcionadas ao SBT despencou. Deram graças a Deus de ter um monte de polêmicas ao mesmo tempo. Aí vem o Portiolli e coloca o assunto na roda de novo”, disse a fonte para a publicação.

De acordo com o site, Celso Portiolli acatou a ordem de seus superiores e apagou as mensagens consideradas mais ofensivas. À publicação, o SBT informou que a opinião de seus apresentadores não reflete a posição da emissora. Quanto à campanha, a emissora admitiu que “cometeu um equívoco de não se atentar que este bordão foi forte na época do regime militar”.

COMENTÁRIOS DO FACEBOOK
Top
Do NOT follow this link or you will be banned from the site!