Diretor de Me Chame Pelo Seu Nome confirma sequência do longa e revela detalhes

Diretor de Me Chame Pelo Seu Nome confirma sequência do longa e revela detalhes

Me Chame Pelo Seu Nome ganhará sequência e diretor revela detalhes (Reprodução)

Me Chame Pelo Seu Nome ganhará sequência e diretor revela detalhes (Reprodução)

Depois de especulações, o diretor Luca Guadagnino confirmou oficialmente que Me Chame Pelo Seu Nome realmente ganhará uma sequência.

Durante uma entrevista concedida ao site italiano Bad Taste, o profissional também contou alguns detalhes da continuação da história que emocionou muita gente. “Fico me perguntando se o novo capítulo nas vidas de Elio, Oliver e da família Perlman deveria se passar em Crema ou não, mas acho que não”, disse.

“Vou dar um pequeno furo: a sequência – não gosto de chamá-la assim, a história deles é mais um ‘ciclo’ – será ambientada em Paris. E começa com Elio chorando. Com essa luz brilhando nos seus olhos, ficamos com a dúvida. Ainda estamos vendo o momento em que o deixamos (na frente da lareira)?”, revelou Luca.

O motivo das lágrimas, no entanto, é outro. “Não. Ele está chorando porque está assistindo ao final de um dos melhores filmes dos anos 1980, ‘Once More’, do Paul Vecchiali. Absolutamente consistente com o personagem: Elio ama o diretor, que é melancólico como ele”.

Lançado em novembro de 2017 em alguns países, o longa foi muito aclamado pela crítica. A prova disso é que ele teve nada menos que quatro indicações ao Oscar. O de Melhor Roteiro Adaptado, inclusive, foi conquistado pela produção.

Criador e roteirista não queriam sequência

Diferente de Luca, o diretor James Ivory admitiu em novembro do ano passado que não aprova a continuação da história e garantiu que a ideia era exclusiva do diretor. O assunto foi tratado durante uma entrevista ao Indie Wire.

“Eu não vou estar e não quero estar envolvido. Eu não quero transformar Timothée Chalamet em um homem de 45 anos. Eu digo, será tão horrendo e uma aparência falsa se é o que estão pensando em fazer”, opinou Ivory.

O roteirista ainda garantiu que o escritor do livro que deu origem ao filme também não gosta nem um pouco da ideia. “André Aciman apenas riu e disse que não é uma boa ideia. Eles não podem fazer a sequência, digo, sem Aciman junto. É o seu personagem e a sua história.”, finalizou ele.

Top
Do NOT follow this link or you will be banned from the site!