BBB21: Patrocinadores pedem punições mais rígidas na próxima edição - Portal Overtube BBB21: Patrocinadores pedem punições mais rígidas na próxima edição - Portal Overtube

BBB21: Patrocinadores pedem punições mais rígidas na próxima edição

Tiago Leifert no BBB21 (Imagem: Reprodução/GloboPlay)

Tiago Leifert no BBB21 (Imagem: Reprodução/GloboPlay)

BBB21 vem sendo um grande sucesso e, além de ser um dos temas mais comentados nas redes sociais, ainda vem atingindo ótimas audiências na Globo. Apesar disso, existem questões que preocupam os patrocinadores do reality show.

Desde o início da atual temporada, no final de janeiro, alguns participantes sofreram com a pressão psicológica feita por colegas do confinamento. Nesta semana, uma fala racista de Rodolffo sobre João Luiz rendeu uma discussão.

Tiago Leifert chegou a fazer um longo discurso a respeito e afirmou que espera que isso não seja necessário no ano que vem. Além da emissora, as empresas que compras as cotas milionárias da atração também esperam que algumas coisas mudem.

Veja também:

Ratinho se irrita com Dudu Camargo e pede sua demissão do SBT

Globo volta a adiar Malhação inédita e deve reprisar outra temporada

Regras mais rígidas

De acordo com informações do colunista Maurício Stycer, do portal UOL, os patrocinadores querem se precaver depois dos muitos episódios envolvendo buso psicológico, machismo, homofobia e racismo no BBB21.

Em um encontro promovido por uma agência, Avon e Coca-Cola, que investem muito na atual edição, manifestaram que esperam que o BBB22 seja diferente em alguns pontos de suas regras, trazendo mais punições para os confinados que cometerem “agressão psicológica”.

“A sociedade não tolera mais. E o palco de um programa desses, com alta visibilidade, alta exposição, também é palco para estas discussões. E realmente, todos estamos aprendendo. Acho que a Globo vai aprender e as coisas vão evoluindo com o tempo”, disse Poliana Sousa, líder de Coca-Cola na América Latina, a respeito das situações citadas acima.

A Globo conseguiu reinventar o Big Brother Brasil no ano passado, quando decidiu permitir a entrada de pessoas famosas na atração. E isso deu certo, já que as duas temporadas com novidades fizeram sucesso.

Top