Vidro: divulgado novo trailer do último longa da trilogia de Corpo Fechado e Fragmentado - Portal Overtube Vidro: divulgado novo trailer do último longa da trilogia de Corpo Fechado e Fragmentado - Portal Overtube

Vidro: divulgado novo trailer do último longa da trilogia de Corpo Fechado e Fragmentado

Vidro estreia nos cinemas brasileiros no mês de janeiro (Reprodução)

Vidro estreia nos cinemas brasileiros no mês de janeiro (Reprodução)

Foi divulgado um novo trailer do longa Vidro, que se trata de uma continuação dos grandes sucessos Corpo Fechado e Fragmentado.

A prévia da produção de M. Night Shyamalan se inicia com uma psicóloga, cujo papel pertence à atriz Sarah Paulson, conversando com David Dunn e Kevin Clumb, personagens vividos pelos atores Bruce Willis e James McAvoy. Ela faz o possível para convencer os dois de que suas habilidades sobrenaturais são totalmente psicológicas e só existem em suas cabeças.

Os dois iniciam um tratamento no mesmo lugar em que Elijah Price (Samuel L. Jackson). Ele enxerga isso como uma grande oportunidade e aborda Crumb, o incentivando a libertar seu lado mais violento, o que obriga Dunn a agir.

Vidro estreia nos cinemas brasileiros no próximo dia 17 de janeiro do ano que vem.

A demora para a produção de Vidro

Durante sua participação na CCXP, que aconteceu em São Paulo na semana passada, o diretor M. Night Shymalan explicou o motivo de demorar tanto para lançar o último filme da trilogia, que também conta com Corpo Fechado e Fragmentado.

“Quando eu fiz Corpo Fechado, em 2000, tinha um tom estranho. Tinha um humor estranho, meio perturbador. Na época, ninguém fazia isso, era esquisito. E lentamente o tom dos filmes mudou, você teve Tony Stark, Jack Sparrow, o Cavaleiro das Trevas, de Heath Ledger, todos esses anti-heróis, e eu pensei: ‘Agora eu posso fazer esse tipo de filme, que é um pouco engraçado, assustador e perturbador’. As pessoas estão mais acostumadas”, disse o diretor enquanto divulgada o longa.

Além de tudo, a Disney também mostrou grande resistência por conta da inspiração do filme nos quadrinhos, o que não era comum na época. “A Disney achava que filmes de quadrinhos não davam lucro. Falavam: ‘você não pode fazer um filme de quadrinhos é para aquelas pessoas estranhas que vão em convenções. Mas eu sou uma dessas pessoas! Tudo mudou muito desde aquela primeira conversa”, contou ele.

Com informações do portal Uol.

Veja o novo trailer de Vidro

Top