Antônia Fontenelle vai na contramão de famosas e defende Bolsonaro - Portal Overtube Antônia Fontenelle vai na contramão de famosas e defende Bolsonaro - Portal Overtube

Antônia Fontenelle vai na contramão de famosas e defende Bolsonaro

Antonia Fontenelle diz que vai votar em Bolsonaro

Antonia Fontenelle diz que vai votar em Bolsonaro

Nesta semana, o candidato à presidência Jair Messias Bolsonaro está na boca das celebridades. A campanha contra o deputado cresceu em grandes proporções no meio artístico depois da criação do grupo “Mulher Unidas Contra Bolsonaro” alcançar mais de 2 milhões de pessoas no Facebook. Diversas famosas, entre elas globais, publicaram em suas redes sociais razões para não votar em Bolsonaro: “#EleNão”, defende a campanha.

No entanto, Antônia Fontenelle, conhecida por suas declarações polêmicas, foi na contramão do consenso entre suas colegas de mercado. Durante entrevista com o pastor Silas Malafaia, em seu canal no Youtube, Fontenelle justificou seu voto em Jair Bolsonaro.

Ela iniciou o discurso dizendo que não gosta de “vitimismo”. “Não venham aqui me dizer que estou fazendo campanha para o Bolsonaro, mas eu já disse e repito: estou torcendo, sim, para que o Bolsonaro seja presidente desse País. Sou mulher, sustento os meus filhos, ajudo na criação da minha neta, não gosto de vitimismo”, declarou.

Fontenelle comentou, também, sobre um dos temas mais debatidos entre Bolsonaro e a oposição: estupro. “Quando eu andava de ônibus, se um tarado viesse encostar em mim, ele iria perder algum órgão no dente. Porque eu sou essa mulher de reagir, não sou essa mulher de ficar chorando. Então, as mulheres que eu entendo como mulheres são fortes, guerreiras. A pergunta é: você gosta de negro, de gay? Não! A pergunta é ‘qual é o seu plano para a saúde e a educação, para tirar esse país da merd*. Então, o País que eu quero para mim é de mulheres fortes, mulheres que não ficam de ‘mimimi’. Vivemos numa democracia e espero que respeitem a minha opinião”.

Segundo a última pesquisa Datafolha, Bolsonaro tem uma rejeição altíssima entre as mulheres, cerca de 42% – 5 pontos maior que o público masculino.

Top