Conversa entre Lady Gaga e Kesha sugere que Katy Perry foi estuprada por produtor - Portal Overtube Conversa entre Lady Gaga e Kesha sugere que Katy Perry foi estuprada por produtor - Portal Overtube

Conversa entre Lady Gaga e Kesha sugere que Katy Perry foi estuprada por produtor

Kesha, Lady Gaga e Katy Perry (Foto: Reprodução)

Kesha, Lady Gaga e Katy Perry (Foto: Reprodução)

Uma conversa entre Lady Gaga e a cantora Kesha foi vazada nesta sexta-feira (30) num fórum internacional e revela que Katy Perry pode ter sido estuprada pelo mesmo produtor que supostamente abusou da hitmaker de “Tik Tok” e “Die Young”.

O trecho da conversa faz parte do documento oficial da corte norte-americana que julga o processo de Kesha contra o abuso sofrido pelo produtor musical Dr. Luke. Lady Gaga foi uma das apoiadoras de Kesha no caso.

Na conversa, as artistas citam outra personalidade da música, Katy Perry, que trabalhou com Dr. Luke na mesma época que Kesha fez as acusações contra o produtor. No bate papo entre as duas, Kesha insinua que Katy Perry foi estuprada por Dr. Luke enquanto Lady Gaga chama a cantora de “Firework” de “maldosa”. As informações são da Quem.

O conteúdo da conversa entre Lady Gaga e Kesha

“Estou muito irritada com a Katy. Ela poderia ter melhorado a situação, mas não fez nada”, desabafa Kesha, na conversa com Lady Gaga. “Ela foi estuprada pelo mesmo homem, isso é doentio”, continua a cantora, referindo-se a Katy Perry.

“Ela deve ter medo de perder tudo. Ela não é tão forte quanto você”, responde Lady Gaga, que está em cartaz nos cinemas como protagonista do filme “Nasce Uma Estrela” e está cotada para indicações ao Oscar 2019 por sua atuação e canção no filme.

“Preciso ter empatia por ela, mas ela é tão má”, diz Kesha.

“Eu sei que ela é maldosa. Não somos amigas”, revela Lady Gaga, que continua: “Talvez ela nem tenha aceitado o que aconteceu ainda”.

“Talvez. Não é a minha batalha”, finaliza Kesha.

O processo contra Dr. Luke foi aberto por Kesha em 2016, quando a cantora o acusou de abuso sexual, assédio e estupro. Até o momento, o produtor tem sido julgado como inocente das acusações. Kesha, que estava afastada do mundo da música, teve de retomar a carreira para cumprir seu contrato com a produtora de Dr. Luke. Recentemente, Kesha lançou “Rainbow”, seu primeiro álbum depois de cinco anos de pausa na carreira, e deve lançar em breve o documentário “Rainbow: O Filme”.

Paulo Victor
Professor e entusiasta da sétima arte, atua na internet há mais de dez anos produzindo conteúdo sobre séries e cinema, aprecia a dramaturgia para as diferentes telas.
Top