Marcelo Adnet veta Dani Calabresa após cantar Xuxa na Globo - Portal Overtube Marcelo Adnet veta Dani Calabresa após cantar Xuxa na Globo - Portal Overtube

Marcelo Adnet veta Dani Calabresa após cantar Xuxa na Globo

O ex-casal Marcelo Adnet e Dani Calabresa apresentaram o A Gente Riu Assim, na Globo (Divulgação)

O ex-casal Marcelo Adnet e Dani Calabresa apresentaram o A Gente Riu Assim, na Globo (Divulgação)

Marcelo Adnet surpreendeu os telespectadores da Rede Globo nesta quinta-feira (20) ao vetar Dani Calabresa, quando a humorista começou a cantar, no ar, um dos sucessos de Xuxa.

Mas tudo não passou de uma brincadeira do “A Gente Riu Assim”, especial de fim de ano da Rede Globo que fez uma retrospectiva de 2018 com humor, usando material dos programas humorísticos, do jornalismo e do núcleo esportivo da emissora.

A cena aconteceu já no final do especial. “Tudo o que eu quiser, o cara lá de cima vai me dar…”, começou a cantar Calabresa, quando Marcelo Adnet pareceu receber uma informação no ponto eletrônico.

“Um comunicado da direção informa que não é permitido falar em funcionários que saíram”, informou o humorista.

“Mas é a rainha!”, observou Dani Calabresa.

O roteiro do “A Gente Riu Assim” quebra uma das regras da Rede Globo, numa ação que acontece mais uma vez através do núcleo de humor comandado por Marcius Melhem. Segundo a colunista Cristina Padiglione, é uma forma de provar que nada é proibido na Rede Globo, pelo menos não no humor.

O que teve no A Gente Riu Assim?

O humorístico especial de fim de ano da Rede Globo fez um retrospecto dos principais acontecimentos no Brasil e no mundo durante o ano de 2018. Usando imagens do humor associadas a materiais do jornalismo e esportes, foi possível conectar as piadas aos fatos e relembrar os melhores (e piores) momentos do ano em tom de comédia.

Entre os assuntos comentados no especial, falou-se da greve dos caminhoneiros, da Copa, a intervenção federal no Rio de Janeiro, Eleições, escola sem partido, feminismo, religião, machismo e pautas que cercaram o Brasil político durante ano.

No final, um clipe feito especialmente para o “A Gente Riu Assim” usava como tema a esperança por renovação no ano novo, soltando a frase de efeito “ninguém solta a mão de ninguém”, muito utilizada pelos que foram contra a posição de Jair Bolsonaro na presidência da República.

blank
Paulo Victor
Professor e entusiasta da sétima arte, atua na internet há mais de dez anos produzindo conteúdo sobre séries e cinema, aprecia a dramaturgia para as diferentes telas.
Top