Recepção morna fez Quico do Chaves quase desistir do Programa do Porchat - Portal Overtube Recepção morna fez Quico do Chaves quase desistir do Programa do Porchat - Portal Overtube

Recepção morna fez Quico do Chaves quase desistir do Programa do Porchat

Carlos Villagrán, o Quico do seriado Chaves, no Programa do Porchat (Reprodução/TV Record)

Carlos Villagrán, o Quico do seriado Chaves, no Programa do Porchat (Reprodução/TV Record)

O apresentador Fabio Porchat revelou que quase perdeu uma entrevista com Carlos Villagrán, o Quico da série mexicana “Chaves”, devido a recepção morna da equipe de seu programa na Record.

Em entrevista ao programa Pânico na rádio Jovem Pan nesta sexta-feira (21), Porchat relembrou do momento em que o ator Carlos Villagrán passou por seu talk show. O intérprete do Quico ficou, naquela ocasião, decepcionado com a recepção nos bastidores da Record e teria se desagradado de uma enquete feita por Porchat para que os dois encenassem no programa.

“Ele chegou na Record, uma moça da produção falou: ‘Tudo bem, senhor? Podemos ir?’. Entrou no camarim e tinha lá um café, um sanduíche… Ele se incomodou um pouco com a falta de ‘fogos de artifício'”, revelou o apresentador do Programa do Porchat.

“Tinha criado um esquete pra ele que ele não tinha lido ainda. Eu ia fazer a dona Florinda e ele ia fazer o Kiko. Ia falar: ‘Mamãe, mamãe, o que você faz quando vai com o professor Girafales tomar uma xícara de chá?”. Não tinha nenhuma palavra chula, nada disso, mas tinha umas brincadeiras querendo dizer que mamãe e professor Girafales ‘se divertem'”, continuou.

“Ele leu e não gostou. Eu não tava lá, e ele falou: ‘Não tô sentindo confiança no programa, não quero tá aqui, tô indo embora’. Me ligou a produtora [falando]: ‘O Kiko tá indo embora da Record, muito chateado e muito bravo'”, disse Porchat ao programa de rádio.

No final, tudo deu certo

Fábio Porchat contou que a produtora convenceu Carlos Villagrán a ir almoçar numa churrascaria perto da Record e logo avisou para o apresentador correr atrás dele. Assim ele fez, levando o diretor junto.

“Fabio, não dá, não tem como. Perdi a confiança”, disse o ator com a insistência de Porchat, que não desistiu. “Calma, a gente é muito fã seu, a gente te adora, você é maravilhoso. O esquete a gente joga fora, não precisa fazer se você não gostou. Mas não tem nada demais, peguei e li com ele. Ele falou: ‘Realmente, não tem nada demais. Mas eu não sei, não tô a vontade'”, continuou.

Porchat contou que ficou insistindo e bajulando o ator de “Chaves” por cerca de meia hora: “‘Calma, você é um gênio, você é maravilhoso…’. E eu realmente sou muito fã do Kiko, assisti Chaves a vida toda”.

Porchat contou que um dos motivos para Villagrán ter se chateado com a recepção morna da Record seria por que antes ele havia passado pela CCXP – Comic Con Experience, onde teve uma recepção mais calorosa, cercado de fãs.

No fim das contas, o ator topou conceder a entrevista, participou de brincadeiras no palco, mas a esquete roteirizada por Porchat teve de ser abortada.

blank
Paulo Victor
Professor e entusiasta da sétima arte, atua na internet há mais de dez anos produzindo conteúdo sobre séries e cinema, aprecia a dramaturgia para as diferentes telas.
Top