Bruno Gagliasso desiste de processar programa de Sonia Abrão, informa advogado - Portal Overtube Bruno Gagliasso desiste de processar programa de Sonia Abrão, informa advogado - Portal Overtube

Bruno Gagliasso desiste de processar programa de Sonia Abrão, informa advogado

O ator Bruno Gagliasso (Foto: Reprodução)

O ator Bruno Gagliasso (Foto: Reprodução)

Conforme o Portal Overtube informou nesta quarta-feira (20), o ator Bruno Gagliasso estava planejando processar o programa de Sonia Abrão. A informação havia sido confirmada ao portal UOL pelo advogado Ricardo Brajterman.

Agora, o mesmo profissional negou que existe a intenção de acionar a Justiça contra o A Tarde é Sua. “O Bruno estava zangado. O sujeito já estava doente, ele queria processar todo mundo. As pessoas sejam elas públicas, anônimas, todo mundo tem os seus momentos de indignação. A gente não tem a intenção de processar o programa, já consagrado no horário”, garantiu.

Falando ao vivo diretamente com a apresentadora, ele deu mais detalhes. “É natural que as pessoas tenham interesse por quem são fãs. O Bruno e a Giovanna são um casal que estão expostos 24h mas que fazem atividades sociais, para promover o bem. Geralmente, as pessoas fazem [especulações] por maldade. Quando uma informação é mal colocada é jogada na internet, é como plumas ao vento. A gente está nesse pé, analisando caso a caso, percebendo que as pessoas cometem erro. O momento agora é de todo mundo se abraçar”, declarou.

O suposto processo

Na semana passada, Alessandro Lo-Biaco, que sempre participa do programa, fez uma afirmação a respeito de Gagliasso. Segundo ele, a emissora carioca teria acionado seus advogados para discutir um rompimento de contrato por conta de um suposto mau comportamento.

O jornalista também garantiu que parte do elenco de O Sétimo Guardião teria feito queixas contra Bruno. Também chegou a citar sua internação. Em outra edição, ele criticou o ator e o chamou de “mimadinho”.

Buno Gagliasso decidiu não deixar barato. Ele procurou o advogado Ricardo Brajterman para acionar todos os veículos responsáveis pela disseminação da notícia. Além do programa de Sonia Abrão, que, segundo ele, foi responsável por uma ‘fake news’, o site TV Foco também será acionado.

“Vai ter um processo cível por conta da fake news e estamos estudando se caberá uma ação criminal por difamação e calúnia contra os integrantes do programa. Fica a cargo da Justiça [decidir sobre uma eventual indenização], que vai analisar a intensidade do dano, a capacidade das partes e o caráter pedagógico punitivo que essa indenização deve representar”, disse o advogado.

“Ele ficou indignado, pois é embaixador de movimentos sociais. Uma notícia dessa coloca em dúvida a credibilidade de uma pessoa séria”, comentou Ricardo, que classificou as acusações como “sórdidas, cruéis e desumanas”.

“Usaram uma doença de um profissional de respeito para afirmar que ele utilizou isso para não cumprir o seu dever profissional. Isso que irritou ele”, finalizou o profissional.

Top