Repórter do SBT diz ter sido agredido após show de Joelma em Manaus

Adeildo B, repórter do SBT, diz ter sido agredido após show de Joelma (Imagem: Reprodução/Instagram)

Adeildo B, repórter do SBT, diz ter sido agredido após show de Joelma (Imagem: Reprodução/Instagram)

O repórter Adeildo B, conhecido por trabalhar na afiliada do SBT em Recife, alega ter sofrido uma agressão. O jornalista estava deixando o show da cantora Joelma, que foi realizado no último final de semana em Manaus (AM).

Jacqueline Araújo, que dirige o programa Turma do Barra na TV Jornal, usou sua conta oficial no Instagram para compartilhar um vídeo em que o repórter desabafa a respeito e explica o que aconteceu.

“Estamos muito tristes com o que aconteceu e esperamos, sinceramente, que as autoridades policiais adotem as devidas providências”, escreveu Jacqueline.

Leia outras notícias de hoje Portal Overtube:

Datena interrompe entrevista ao vivo e ignora a Band: “Passei dessa fase de explorar”

Internautas debocham de Arthur Aguiar após apresentação no Encontro: “Tadinha da Fátima”

Desabafo de repórter do SBT

Em suas redes sociais, Adeildo B usou os stories para dizer que está bem e dar mais detalhes sobre o ocorrido. Ele disse que fez uma série de imagens durante a apresentação da ex-vocalista da Banda Calypso.

“Eu estava no show fazendo imagens, levei dois celulares. Produzi conteúdos para o Instagram e para a TV. Eu deixei o show antes do fim porque minha calça rasgou, só me trocaria para retornar”, diz.

Na sequência, o repórter do SBT prossegue seu relato. “Peguei um mototáxi e ele entrou em uma rua estreita. Quando vi, já chegavam duas motos. Eu estava com dois celulares na mão, e eles pegaram os aparelhos rapidamente. Começaram a me espancar, dar murros no meu rosto e nos dentes”, desabafou.

Ele afirma que colocou o primeiro número da senha de seu celular, mas fingiu ter desmaiado. “Eles continuaram agredindo. Depois tentei levantar rápido para evitar a fuga. Corri 300 metros, mas não consegui”, contou.

Veja o vídeo em questão no Instagram:

Top