Flordelis: perguntas que a deputada poderia responder sobre a morte do pastor Anderson - Portal Overtube Flordelis: perguntas que a deputada poderia responder sobre a morte do pastor Anderson - Portal Overtube

Flordelis: perguntas que a deputada poderia responder sobre a morte do pastor Anderson

Flordelis

Flordelis

A polícia segue investigando a morte brutal do pastor Anderson do Carmo. Nesta sexta-feira (21), a delegada à frente do caso falará com a imprensa sobre os detalhes do caso que envolve a deputada Flordelis (PSD). Enquanto isso, a justiça decretou a prisão temporária de dois filhos do casal. Um deles, Flávio Santos, de 38 anos.

Nas redes sociais e na própria imprensa, discute-se algumas o que se chama de “pontas soltas” no caso. Ou seja, perguntas que, se respondidas pela deputada Flordelis, podem ajudar a polícia a concluir o caso. Veja algumas abaixo:

  • A deputada Flordelis disse que o carro estava sendo seguido. Por que a polícia não foi chamada imediatamente?
  • Por que a deputada falou que se tratou de um latrocínio, se nada foi roubado?
  • A deputada sabia da suposta traição do marido?
  • Caso sim, desde quando?
  • A deputada contou para os filhos? Para Flávio, inclusive?
  • Flordelis não temia que eles poderiam ter uma atitude violenta?
  • Por que Anderson voltou para o carro se estava sendo seguido e poderia correr risco?
  • O que ele foi buscar no carro?
  • A deputada pediu para o marido ir ao carro, local onde acabou sendo baleado?
  • Quem da família estava na casa naquela noite?
  • A polícia trabalha com a hipótese de a deputada estar envolvida na morte do marido?

Em entrevista ao Pleno News, Flordelis disse no velório do marido que pretende manter o Congresso Internacional de Missões (CIM), que ocorre anualmente em sua igreja. “Sempre fazíamos muita coisa juntos e agora vou ter que fazer muita coisa sozinha. O CIM 2019 vai acontecer e todo esse povo vai estar junto com a gente porque a obra não é para o homem, a obra é de Deus”, disse.

A TV Globo disse nesta sexta-feira que um novo depoimento de um dos filhos de Flordelis pode colocar a deputada na linha de investigação da polícia. Segundo o relato, a parlamentar teria dito a um dos filhos que “a hora de Anderson estava chegando”.

Segundo o G1, o rapaz, que não teve a identidade revelada, disse que a mãe e três irmãs colocavam remédio na comida do pai e que isso seria a causa de seus problemas de saúde. Ele contou também que Anderson mostrou uma ameaça de morte que tinha recebido em fevereiro.

Top