Além de demissões, crise no SBT deve reduzir salários e funções - Portal Overtube Além de demissões, crise no SBT deve reduzir salários e funções - Portal Overtube

Além de demissões, crise no SBT deve reduzir salários e funções

O apresentador Silvio Santos (Reprodução/SBT)

O apresentador Silvio Santos (Reprodução/SBT)

Os bastidores do SBT apresentam grande tensão. Uma crise que envolve a emissora e todo o Grupo Silvio Santos gerou uma nova onda de demissões, que pode comprometer os empregos de até 150 pessoas.

Tais informações foram divulgadas nesta quinta-feira (17) por Ricardo Feltrin, colunista do portal UOL. Uma nova publicação feita pela mesma coluna afirma que, além dos desligamentos, vários empregados foram chamados e a proposta foi diminuir os salários e funções em vez de demissão.

Segundo a publicação, os cortes variam entre 10% e 30%, mas muitos funcionários não concordaram e não aceitaram a ideia. Isso, é claro, pode aumentar ainda mais o número de rescisões em diversos departamentos.

O primeiro nome do jornalismo do SBT a perder o cargo foi Kallyna Sabino, que fez um desabafo ontem a respeito. Outros nomes devem ser anunciados nos próximos dias e semanas, até que todos os cortes sejam feitos.

A crise no SBT

Logomarca do SBT (Reprodução/SBT)
Logomarca do SBT (Reprodução/SBT)

Segundo as informações da coluna, além do SBT, as outras empresas do Grupo Silvio Santos sofrerão cortes. A emissora do Morumbi estaria atingindo uma rentabilidade próxima do zero e ao menos três funcionários de cada setor deve perder seu emprego. Você lê a matéria completa clicando aqui.

Top