Audiência da final do BBB18 é a melhor desde 2010; veja o ibope do Big Brother Brasil ao longo dos anos - Portal Overtube Audiência da final do BBB18 é a melhor desde 2010; veja o ibope do Big Brother Brasil ao longo dos anos - Portal Overtube

Audiência da final do BBB18 é a melhor desde 2010; veja o ibope do Big Brother Brasil ao longo dos anos

Quem vai ganhar o BBB18? Enquete UOL prevê o resultado (Reprodução/Globo)

Quem vai ganhar o BBB18? Enquete UOL prevê o resultado (Reprodução/Globo)

Nesta terça-feira (19) o Brasil conheceu o vencedor do BBB18, Gleici, que ganhou o prêmio de R$ 1,5 milhão. A final do programa foi celebrada com um encontro musical inédito entre o rap, o sertanejo e o samba, nas vozes de Projota, Maiara & Maraisa e Ferrugem. Além dos próprios sucessos, os artistas prepararam números exclusivos cantando juntos músicas ícones do pop brasileiro. Ana Paula, Breno, Caruso, Diego, Jaqueline, Jéssica, Patrícia, Lucas, Mahmoud, Mara, Nayara, Paula, Viegas e Wagner: todos os participantes desta edição estiveram presentes.

No quesito audiência, com média de 33 pontos, o BBB18 teve o melhor ibope desde 2010, quando Dourado foi o campeão do programa.

“Três coisas que me deixam vivo: meu sonho, minha esperança e meu sorriso”, diz Kaysar, segundo lugar no BBB18

Relembre as audiências de finais do Big Brother Brasil:

BBB17: 29,1 pontos
BBB16: 29,3 pontos
BBB15: 26,5 pontos
BBB14: 23,7 pontos
BBB13: 29,0 pontos
BBB12: 26,0 pontos
BBB11: 25,9 pontos
BBB10: 41 pontos
BBB9: 41 pontos
BBB8: 46 pontos
BBB7: 48 pontos
BBB6: 51 pontos
BBB5: 57 pontos
BBB4: 56 pontos
BBB3: 55 pontos
BBB2: 45 pontos
BBB1: 59 pontos

Em quarto lugar no programa, Paula contou como foi chegar até aqui. “Chegar bem pertinho e não conseguir subir no pódio, eu achei muito ruim. Mas depois que saí e senti o carinho aqui fora, foi tão legal que eu fiquei muito feliz. Estou satisfeita pra caramba. As coisas tem que acontecer cada coisa no seu tempo”, diz ela. E com o Breno, é namoro ou amizade? “Eu e a Paula fomos construindo nossa história lá dentro. Aqui fora vamos ver como vão ficar as coisas, estamos ficando, as coisas estão fluindo”, entrega o brother.

Primeira eliminada, a professora Mara conta que entrou no programa para tentar aproximar a universidade da opinião pública. “Foi polêmico e, por ser, polêmico foi bom”, diverte-se ela. Para Ana Paula, a saída não foi exatamente fácil: “Quando saí, fiquei completamente fora da casinha. Lá dentro a gente julgava que o que estávamos fazendo era o certo”. Amados ou odiados pelo público, em uma coisa todos concordam: a experiência do reality show é intensa e única.

“Não sabia que as pessoas se envolviam tanto. O brasileiro é aquele que gosta de uma novela, com vilão, e aquele mês em que fiquei lá serviu para as pessoas acharem que já sabiam tudo sobre mim. A gente está ali pra ser julgado”, resume Nayara. “Lá dentro o convívio me deixou muito carente. Tudo é muito intenso. Aqui fora quando, eu tô mal ou fico nervosa, ligo pra minha mãe, pra uma amiga. Ali eu não conseguia desabafar com alguém pra pedir socorro”, lembra Jaqueline.

Mas nesta quinta-feira, dia de final, a galera estava em festa. “Vim para abraçar todo mundo e tirar foto com todo mundo. Eu tinha uma relação massa com todos lá dentro”, assegura Viegas. “Se as pessoas não diferenciam o jogo da vida real, a gente tem que diferenciar. Quando vi que a novela estava mais forte que o jogo, fui para o tudo ou nada. O acolhimento que tive do público foi bacana. Saí bem leve e feliz”, diz Diego. “O que ficou lá dentro, ficou lá dentro. O confinamento mexe muito com nossas emoções. Aqui fora quando a poeira abaixa e o coração acalma a gente quer reparar os erros. Foi uma história muito legal que a gente viveu e daqui para frente o que a gente tem que levar é o respeito”, garante Caruso.

Patrícia admite que se arrepende de algumas coisas que fez ao longo do jogo, mas sabe que daqui para frente, a história é outra. “Fiz leituras erradas ali, fiz comentários que pegaram muito mal aqui fora. Eu imaginava, mas não sabia a intensidade das coisas. Mas meu jeito descontraído e alegre as pessoas estão conhecendo agora, sem a pressão do jogo e confinamento”, explica a sister. “Não tenho mágoa de ninguém que está lá dentro”, completa Mahmoud. Lucas também reviu um pouco do seu comportamento na casa: “Nós somos iguais a todos os que estão aqui fora, mas a gente está ali exposto. Eu fui muito permissivo e esse foi o meu erro”. “A gente não comanda o coração. Eu só tenho a agradecer”, resume Jéssica. Wagner, que chegou com uma rosa amarela, disse que é só torcida pela Gleici. “Não vejo a hora de encontrá-la”, disse.

O ‘BBB18’ tem direção-geral de Rodrigo Dourado e apresentação de Tiago Leifert.

Top