BBB19 | Em uma edição morna, Rodrigo defende sua postura no jogo: "Vivi cada segundo" - Portal Overtube BBB19 | Em uma edição morna, Rodrigo defende sua postura no jogo: "Vivi cada segundo" - Portal Overtube

BBB19 | Em uma edição morna, Rodrigo defende sua postura no jogo: “Vivi cada segundo”

Rodrigo no BBB19 (Reprodução/Globoplay)

Rodrigo no BBB19 (Reprodução/Globoplay)

Falta menos de uma semana para que a grande final do BBB19 seja exibida na telinha da Globo. O anúncio de qual participante levará o prêmio máximo de R$ 1,5 milhão acontecerá na próxima sexta-feira (12).

Geralmente, os fãs do programa (que não são poucos) ficam desolados quando ele está prestes a encerrar mais uma edição. Aparentemente (pra não dizer claramente), esse não é o caso da décima nona temporada do reality show mais visto do Brasil.

Com um elenco de poucas figuras carismáticas e raríssimas posições de jogo, o entretenimento do público da atração global acabou ficando pra trás. Como destaque, apenas questões polêmicas que envolveram, inclusive, gravíssimas acusações de racismo e intolerância religiosa.

Os amados barracos, tão elogiados e compartilhados pelos telespectadores, não aconteceram. As poucas discussões durante as brincadeiras de segunda-feira não seguraram a audiência. Aliás, de fato, podemos realmente chamar as provas de brincadeiras.

No fim das contas, o que se viu foi a edição tentando forçar um climão entre os emparedados. Podemos dizer que isso aconteceu, mas o público do BBB19 continuou reclamando do programa. Essa temporada é considerada por muitos a pior de todas, basta que se acompanhe a repercussão nas redes sociais.

LEIA TAMBÉM: SE CONDENADA, PAULA PODE PEGAR ATÉ 3 ANOS DE DETENÇÃO

Rodrigo foi um dos mais criticados

Levando em consideração todos esses fatos sobre o BBB19, podemos citar alguns dos personagens importantes do jogo. No início do programa, Rodrigo despontou como um dos favoritos e foi muito defendido nas redes depois de ser massacrado por seus roncos.

Mas parece que esse tema, misturado com as pesadas, polêmicas e importantes discussões a respeito de racismo e outros assuntos, foram o único motivo da presença do dramaturgo na casa. Será que foi suficiente?

Eliminado (Rodrigo deixou a casa na última terça-feira, 2 de abril), ele foi questionado pelo site do BBB e defendeu sua postura. “Eu, ao contrário de algumas críticas, estava lá muito pleno, vivi cada segundo do meu jeito’, explicou o carioca.

Lembrando da edição, que o marcou como uma pessoa que fazia apenas dormir, ele declarou: “Talvez o meu jeito seja dormindo, seja roncando, mas eu aproveitei do meu jeito. Não ofendi ninguém, não machuquei ninguém. Se eu tivesse jogado de outra maneira, não seria o Rodrigo”.

Por fim, o dramaturgo do BBB19 explicou o seu silêncio. “O meu silêncio não é conivência. Não significa fugir, pelo contrário, a minha vida é de discussões bastante políticas. O silencio era meu critério de convivência com algum participante”.

Cada telespectador tem a sua opinião a respeito da postura de Rodrigo e dos outros confinados. Mas uma coisa fica bem clara: a décima nona edição do Big Brother Brasil é uma unanimidade entre o público. E não é de forma positiva.

Top