Datena briga com equipe ao vivo: "Aqui não é a casa da moeda" - Portal Overtube Datena briga com equipe ao vivo: "Aqui não é a casa da moeda" - Portal Overtube

Datena briga com equipe ao vivo: “Aqui não é a casa da moeda”

O apresentador José Luiz Datena (Imagem: Reprodução/Band)

O apresentador José Luiz Datena (Imagem: Reprodução/Band)

Os momentos de irritação do apresentador José Luiz da Datena no programa Brasil Urgente, da Band, não surpreendem. E ele roubou a cena mais uma vez durante a edição exibida nesta quarta-feira (20).

Tudo aconteceu quando Datena ficou indignado depois que uma matéria foi exibida. Durante a reportagem em questão, uma nota enviada por uma assessoria de imprensa foi lida, o que estressou o comunicador.

“Eu já falei para não ler nota aqui. Isso aqui não é casa da moeda”, disse ele. Alguns momentos depois, demonstrando mais uma vez toda a sua irritação, ele ironizou a equipe que deveria ser feita com a população do Nordeste e do Norte.

“Até aqui o Norte e o Nordeste é esquecido porque não acham uma matéria dessas regiões aqui. Se não achar uma matéria eu vou embora pra casa! Cadê o Norte e Nordeste? Eu acho bom achar logo aí. Cadê o povo nordestino falando? Eu acho que eu trabalho na NASA porque toda hora que eu peço uma matéria os caras falam sim ‘tá subindo, tá subindo'”, disparou, irritado.

Veja também:

Tiago Leifert quebra o silêncio e conta por que abandonou a Globo

Ana Maria Braga come microfone da Globo ao vivo: “Delícia”

Saída da Band

Na semana passada, Datena conversou ao vivo com Cátia Fonseca e disse que, caso seja candidato oficial à presidência ou ao governo, precisará realmente deixar a televisão. “Eu pensei que ia sair fake news, mas não é não, na verdade, se eu tiver que concorrer a um cargo político”, iniciou.

O apresentador ainda afirmou que existem outros dois candidatos no páreo. São eles Luiz Henrique Mandetta, ex-ministro da Saúde, e Rodrigo Pacheco.

“Por enquanto, eu fui lançado o candidato à presidência da república pelo PSL, mas já apareceu dois caras do DEM, o Mandetta e o Pacheco. Então meu partido tem que escolher qual vai ser candidato a presidente”, explicou o comunicador.

Por fim, Datena disse que, caso seja candidato à presidência ou ao governo, não poderá continuar na Band. “Para o senado, parece que há a condição de você continuar nas duas coisas, mas eu tenho que, legalmente”, explicou.

Top