Globo planeja processar Camila Queiroz após polêmica

Camila Queiroz em Verdades Secretas 2 (Imagem: Divulgação/GloboPlay)

Camila Queiroz em Verdades Secretas 2 (Imagem: Divulgação/GloboPlay)

A polêmica envolvendo a atriz Camila Queiroz e a Globo continua rendendo. A famosa foi demitida do elenco de Verdades Secretas 2 depois de ter feito “exigências inaceitáveis” com relação a seu contrato para finalizar a trama.

De acordo com informações divulgadas pelo site Notícias da TV, a emissora carioca não está nada satisfeita com o desenrolar da história e está estudando a possibilidade de processar Camila e o escritório que cuida de sua carreira.

Na semana passada, segundo a publicação, a atriz e Rick Medina, dono da agência em questão, deixaram bem claro que querem processar a emissora e procuraram advogados para ver o que poderia ser feito a respeito.

Veja também:

Bolsonaro pode barrar concessão da Globo em 2022? Saiba tudo

Canal VIVA corta depoimento polêmico em capítulo de Páginas da Vida

Globo está revoltada

A Globo não ficou nada satisfeita com a forma como Camila Queiroz e seu empresário agiram em todo o caso. Os comunicados feitos pela atriz e pela própria agência após a divulgação da notícia não agradaram à direção do canal.

Segundo o Notícias da TV, a emissora está pensando em alegar que teve um prejuízo financeiro e até moral com a decisão de Camila, que não quis renovar o contrato por mais alguns dias para finalizar as gravações de Verdades Secretas 2.

As filmagens da novela chegariam ao fim no último dia 17 de novembro, mas, por conta de atrasos devido aos protocolos contra o novo coronavírus, a data foi alterada. Camila, então, afirmou que só firmaria um novo contrato para finalizar as gravações se várias exigências fossem atendias.

Top