Jornalista da Globo vai às lágrimas ao vivo ao cobrir tragédia em Petrópolis

Flávio Fachel chorou ao cobrir tragédia em Petrópolis (Imagem: Reprodução/TV Globo)

Flávio Fachel chorou ao cobrir tragédia em Petrópolis (Imagem: Reprodução/TV Globo)

Os telespectadores da Globo que estão acompanhando a cobertura da emissora sobre a tragédia na cidade de Petrópolis, no Rio de Janeiro, se emocionaram na manhã desta quinta-feira, dia 17 de fevereiro, com a entrada do jornalista Flávio Fachel.

Plantonista do Jornal Nacional, o apresentador está participando das transmissões ao vivo diretamente do município. Nesta manhã, ele participou do Bom Dia Rio e falou ao vivo diretamente dos escombros, mostrando o trabalho de resgate das vítimas.

Ao conversar com a colega Silvana Ramiro, ele não conseguiu segurar o choro. Bastante emocionado, ele acabou indo às lágrimas por descrever o desespero das pessoas em encontrar seus familiares, acima de tudo porque se sabe que muitas vítimas ainda estão soterradas.

Leia outras notícias do Portal Overtube:

Globo afasta diretor de novela acusado de racismo por atrizes

Com medo, Globo proíbe Bonner e Renata de cobrirem tragédia de Petrópolis

Jornalista da Globo se emocionou

“Silvana, é muito dolorido o que a gente tá vendo aqui. Não tem como a gente não se emocionar, porque a gente sabe que tem gente aqui que ainda precisa ser resgatada. É muito difícil o que a gente ta acompanhando aqui”, disse o jornalista, sem conseguir segurar a emoção.

Em outro ponto, Flávio Fachel explica que os socorristas afirmam que não sabem especificamente onde as pessoas estão. “Aqui, com o pé na lama, a gente sente essa dor, essa energia que toda a cidade de Petrópolis está sentindo”, desabafou ele.

Mais tarde, o jornalista participou do Mais Você, também exibido ao vivo na Globo, e comentou que os profissionais de imprensa não conseguem nem imaginar o que a população da cidade está vivendo em meio à tragédia.

“As pessoas estão com os nervos a flor da pele, desesperadas, angustiadas, porque falta tudo aqui. Não se sabe onde estão as pessoas. Para deixar claro, eu acho que precisa ser dito: o que está acontecendo aqui hoje em Petrópolis não é resultado da chuva, não é a chuva que causou isso aqui, ela vem todo início de ano”, disse ele.

Veja o vídeo da entrada de Fachel na Globo:

Top