Lutando contra um câncer, Léo Rosa cobra salários atrasados da Record TV - Portal Overtube Lutando contra um câncer, Léo Rosa cobra salários atrasados da Record TV - Portal Overtube

Lutando contra um câncer, Léo Rosa cobra salários atrasados da Record TV

O ator Léo Rosa (Reprodução/Instagram)

O ator Léo Rosa (Reprodução/Instagram)

Léo Rosa, conhecido por ter interpretado papéis importantes na Record TV em novelas como Vidas Opostas, Amor e Intrigas e Escrava Mãe, segue lutando contra o câncer. Ele anunciou em dezembro de 2018, alguns meses depois de ter diagnosticado a cura, que a doença havia retornado.

Algumas das tramas citadas acima foram exibidas há pouco tempo na programação do canal, enquanto a terceira delas está no ar atualmente. E, de acordo com Rosa, ele não vem recebendo da emissora o pagamento dos cachês por suas atuações nessas produções, algo previsto em contrato em caso de reprises.

Em entrevista ao Notícias da TV, o artista desabafou. “Eles [Record] são mestres em ludibriar. Olha a situação que eu estou vivendo: pedindo dinheiro na internet para conseguir viver. Não tenho mais diálogo nessa empresa. Pague o que me deve. Se for necessário, eu vou pro pau. Se fazem isso comigo é porque eles fazem com outros atores. Tem gente passando necessidade, e eles não pagam”, afirmou.

Embora seja grato à Record TV pela oportunidade que teve na carreira e elogie muitos dos profissionais que trabalham por lá, Léo Rosa reclama da gestão da empresa. De acordo com o ator, ele tem cerca de R$ 20 mil para receber e os responsáveis não resolvem o problema.

“Estou cansado dessa relação com a Record. Tenho novela no ar e, pelo contrato, eu tenho que receber depois de 90 dias. Não estou recebendo. Quero meus direitos, sou um cidadão brasileiro, tenho meus impostos para pagar. Botam meu talento no ar e não me pagam. Já busquei respostas, mas sempre dizem que mudou o telefone de quem cuida dos pagamentos. São mestres em ludibriar”, desabafou.

Entrevista à Record

Em maio do ano passado, Léo Rosa concedeu uma entrevista ao jornalista Paulo Henrique Amorim (1943 – 2019) que foi exibida pelo Domingo Espetacular. Na ocasião, ele falou a respeito de seu otimismo em conseguir a cura e do processo complicado do difícil tratamento ao qual vem se submetendo.

O ator conta que, desde o princípio, entendeu que tinha um grande desafio pela frente. “Encarar esse desafio à melhor maneira. Eu escolhi encarar como uma grande experiência. Algumas pessoas chamam isso de ‘câncer’. Mas eu prefiro chamar de ‘companheiro’ “, explicou.

Léo revela que seu diagnóstico veio enquanto gravava O Mecanismo, série da Netflix. “Eu soube no set de filmagem que eu estava doente. Tive um inchaço, oito dias depois estava sendo operado… Quando aconteceu isso, a gente reorganizou as datas e fui obrigado a me reorganizar também para poder fazer o tratamento”, disse o artista durante a entrevista.

“Quando o médico disse ‘câncer’, eu recebi como um golpe. A partir daí eu tive que entender como poderia observar essa palavra de uma outra maneira. E como eu poderia encará-la no dia a dia, já que eu estava com um [câncer] dentro de mim. Eu percebi que poderia morrer. E, percebendo que poderia morrer, descobri

Top