Patrícia Abravanel minimiza homofobia e é detonada na web - Portal Overtube Patrícia Abravanel minimiza homofobia e é detonada na web - Portal Overtube

Patrícia Abravanel minimiza homofobia e é detonada na web

A apresentadora Patrícia Abravanel (Imagem: Reprodução/SBT)

A apresentadora Patrícia Abravanel (Imagem: Reprodução/SBT)

Os telespectadores do programa Vem Pra Cá, exibido pelo SBT na manhã desta terça-feira (1), viram um discurso para lá de polêmico feito pela apresentadora Patrícia Abravanel, que comanda a atração ao lado de Gabriel Cartolano.

Ao repercutir um caso polêmico envolvendo o ator Caio Castro e a influenciadora digital Rafa Kalimann, a filha de Silvio Santos acabou polemizando ao diminuir a homofobia.

“Eu acredito que nós, mais velhos, e nós que fomos educados por pais mais conservadores, a gente está aprendendo, a gente está se abrindo, mas eu acho que é um direito também das pessoas respeitarem. Por que não concordar em discordar? A gente pode ter opiniões diferentes, mas tudo bem”.

Veja também:

Ana Maria Braga detona Bolsonaro e protesta por impeachment

Luís Roberto fica revoltado com Copa América no Brasil: “Tapa na cara”

Erro na sigla

Na sequência, Patrícia defendeu Castro e Kalimann. “Tudo é muito enfatizado, polemizado. Não acho que o Caio Castro ou a Rafa são preconceituosos ou homofóbicos. Acho que eles foram educados de outra maneira”, disse.

Ao continuar o tema, a apresentadora voltou a chamar a atenção ao trocar a sigla do movimento. “Se os ‘LGDBTYH’, não sei, querem o respeito, eles precisam ser mais compreensivos com àqueles que hoje ainda não entendem direito e estão se abrindo para isso”, disse.

“É difícil educar filhos ao falar sobre isso, sabia? Vou dizer ao público ‘LGBTC’ que é muito difícil saber o que eu vou falar? Como vou falar? A gente não sabe lidar! Tem que ter respeito, compreensão, e não massacre nem cancelamento”, disparou.

Nas redes sociais, os vídeos das falas de Patrícia Abravanel viralizaram e ela foi muito criticada. “Em pleno mês do orgulho LGBTQIA+, Patrícia Abravanel defende em rede nacional o direito de ser intolerante e pede compreensão aos conservadores. O Brasil segue lascado!”, disse um perfil.

Veja os vídeos abaixo:

Top