Pesquisa com telespectadores fez Globo adiar programas de Fernanda Gentil e Angélica - Portal Overtube Pesquisa com telespectadores fez Globo adiar programas de Fernanda Gentil e Angélica - Portal Overtube

Pesquisa com telespectadores fez Globo adiar programas de Fernanda Gentil e Angélica

Angélica e Fernanda Gentil tiveram seus programas adiados na Globo (Reprodução)

Angélica e Fernanda Gentil tiveram seus programas adiados na Globo (Reprodução)

Quem acompanha o mundo da televisão já estava acostumado com o andamento da Globo. Todos os anos, a maior emissora do país divulgava toda a sua programação daquele ciclo no mês de abril. Ao fim do BBB, a programação ganhava uma série de novidades.

Algo diferente está acontecendo em 2019. Nem o canal e nem seus concorrentes estão no melhor dos mundos, todos estão tentando se adequar ao delicado momento vivido pela televisão, principalmente financeiramente.

Com isso, cada passo dado dentro da Globo está sendo estrategicamente decidido para que não existam desperdícios. Um dos exemplos são as apresentadoras Fernanda GentilAngélica, que estreariam seus novos programas ainda no primeiro semestre.

As duas atrações acabaram sendo adiadas – sem uma data para serem retomadas –  e sequer tiveram a oportunidade de ganhar pilotos. Isso significa que não foram filmados testes com as apresentadoras, seus cenários e plateias.

O que motivou a mudança de planos da Globo?

De acordo com o colunista Ricardo Feltrin, a emissora fez isso na intenção de ouvir o seu público. O canal realizou uma série de pesquisas internas de opinião antes de se arriscar a simplesmente incluir os programas em sua programação.

Segundo a publicação afirma, tais pesquisas foram decisivas e mostraram um resultado surpreendente: além dos formatos apresentados terem ganhado pouco interesse, as apresentadoras aparecem com certa rejeição atualmente.

Internamente, algumas pessoas dizem que a Globo apostou muito em Fernanda Gentil por conta própria, antes de conhecer a opinião de seu público. Crer que a apresentadora simpática e carismática teria sucesso num programa só dela sem pesquisar primeiro pode ter sido um erro.

A atração de Angélica, no entanto, enfrenta um outro problema. Seu projeto já tinha sido aprovado, segundo o colunista, pela direção da emissora. No entanto, ela passa por um momento delicado, vem cortando custos e investindo em sua nova formatação.

Percebe-se que o mundo vem mudando todos os dias e a televisão precisa se adequar a ele. Com o grande sucesso das plataformas de streaming, por exemplo, a Globo está investindo cada vez mais em seu catálogo do GloboPlay. Com isso, aos poucos, a programação fixa da telinha convencional vem perdendo espaço.

Top