RedeTV! exibe mascote ao noticiar morte de Olavo de Carvalho e vira piada na web

Dollynho apareceu na tela da RedeTV! durante anúncio da morte do escritor bolsonarista Olavo de Carvalho

Dollynho apareceu na tela da RedeTV! durante anúncio da morte do escritor bolsonarista Olavo de Carvalho

A RedeTV! virou piada nas redes sociais nesta terça-feira (25) ao anunciar a morte de Olavo de Carvalho. A notícia da morte do escritor bolsonarista foi dada por Luís Ernesto Lacombe durante o Opinião no Ar. No entanto, enquanto o jornalista anunciava a partida de Olavo, um mascote de uma marca de refrigerante apareceu acenando na tela.

“E a gente começa agora a conversa sobre Olavo de Carvalho, que morreu na noite passada nos Estados Unidos. Ele, que vinha apresentando problemas de saúde…”, dizia Lacombe. Entretanto, acabou chamando atenção o Dollynho, mascote de uma marca de refrigerantes, que apareceu canto esquerdo da tela com um sorriso e acenando.

Nas redes sociais, a gafe da RedeTV! foi motivo de piada dos internautas. Muitos viram a ação como um deboche do mascote. “Dollynho sem qualquer culpa cristã”, escreveu um usuário do Twitter. “Dollynho representando sua amiga Pepsi”, escreveu outro, fazendo referência a Olavo de Carvalho, que chegou a dizer que a marca “usava fetos abortados para adoçar sua fórmula”.

Na RedeTV!, Amanda Klein tem inteligência questionada por médico

O clima ficou quente no programa Opinião no Ar da última quinta-feira (20). A jornalista Amanda Klein teve sua inteligência questionada pelo médico Paulo Porto de Melo ao discutirem sobre a eficiência das vacinas na pandemia de Covid-19.

Ao vivo, Amanda Klein questionou o médico sobre sua fala. Paulo Porto de Melo então questionou a inteligência da jornalista ao indicar que ela está interpretando de forma diferente o que ele quis dizer.

“Pela sua argumentação aqui, então a gente pode inferir exatamente o quê? As vacinas não ajudaram nada na pandemia e a gente não pode confiar mais na Anvisa, no FDA, nas agências de medicamentos europeia? Então, em quem confiar quando a gente for recorrer à aprovação de medicamentos, vacinas, que historicamente são aprovados e passam pelo crivo de todas essas agências?”, perguntou a jornalista.

Em seguida, o médico respondeu: “Amanda, de novo você usa da estrapolação pra tentar falar coisas que eu não disse. Eu não falei que você não deve confiar”.

“Eu estou indo pela sua linha de raciocínio”, continuou Amanda Klein. Foi então que o médico colocou a inteligência da jornalista em cheque. “Então precisa de um cérebro um pouco diferente pra acompanhar a linha de raciocínio que eu tô usando”, respondeu Paulo Porto de Melo.

Rapidamente a jornalista reagiu: “O meu é absolutamente inteligente. Não sei o do senhor e de outras pessoas, mas o meu é”. Após uma discussão acalorada entre os dois, o apresentador Luis Ernesto Lacombe interviu e mudou de assunto.

Paulo Victor
Professor e entusiasta da sétima arte, atua na internet há mais de dez anos produzindo conteúdo sobre séries e cinema, aprecia a dramaturgia para as diferentes telas.
Top