Série da Record sobre Mamonas Assassinas é investigada pela Ancine por fraude - Portal Overtube Série da Record sobre Mamonas Assassinas é investigada pela Ancine por fraude - Portal Overtube

Série da Record sobre Mamonas Assassinas é investigada pela Ancine por fraude

Polêmicas voltam a cercar a série sobre o Mamonas Assassinas que estava prevista para ir ao ar ainda esse semestre, na Record. É que a produção iria contar com captação de verba pública, mas problemas com a verba e com a família dos integrantes do grupo fizeram com que a série fosse cancelada. Acontece que agora uma nova polêmica volta a pairar sobre a série.

Segundo o Notícias da TV, a Ancine resolveu investigar a produção por suspeita de fraude. É que a série seria produzida por uma produtora independente chamada OSS. O problema é que a Ancine começou a desconfiar que a OSS seja uma imprensa de fachada que captaria recursos para Endemol, produtora multinacional responsável por formatos como o “Big Brother”. A suspeita começou porque a sede da OSS está localizada onde era a antiga residência de Juliana Algañaraz, esposa de Nibio Salatino que, apesar de não estar diretamente ligado a Endemol, presta serviços para a empresa e tem livre acesso à produtora.

Sendo assim, a Ancine começou a desconfiar que a OSS foi criada como uma empresa de fachada para captar recursos públicos e repassar ilegalmente para a Endemol. Vale lembrar que nem ma Endemol e nem a Rede Record poderiam captar verbas do governo já que são uma empresa multinacional e um canal de TV aberta, respectivamente. Ambos os veículos são proibidos por lei de captar verbas públicas.

Top