William Bonner vai deixar o Jornal Nacional e substituto é definido; saiba tudo

William Bonner detonou Eduardo Bolsonaro no Jornal Nacional (Imagem: Reprodução/TV Globo)

William Bonner detonou Eduardo Bolsonaro no Jornal Nacional (Imagem: Reprodução/TV Globo)

Um dos nomes mais famosos do jornalismo brasileiro, o apresentador William Bonner pode estar próximo de deixar o Jornal Nacional. Tudo indica que ele pode abandonar o posto de âncora da atração da Globo já em 2023.

A informação é do colunista André Romano, do site Observatório da Televisão. Ele afirma que o ex-marido de Fátima Bernardes deve permanecer no telejornal mais assistido do país até o segundo semestre do ano que vem, quando será substituído.

Não é de hoje que boatos dão conta de que Bonner está decidido a diminuir o ritmo de trabalho. Além de apresentar o Jornal Nacional ao lado de Renata Vasconcellos, ele também é editor-chefe da atração e passa longas horas na sede da Globo todos os dias.

Leia outras notícias de hoje no Portal Overtube:

Luciana Gimenez chora e detona Leo Dias após ter vida pessoal exposta

Rodrigo Mussi quebra silêncio e revela se vai participar de A Fazenda 2022

William Bonner nos debates presidenciais

William Bonner está no telejornal há mais de 26 anos e substituí-lo não vai ser uma tarefa fácil. A emissora carioca, no entanto, já está se planejando para isso e chegou a fazer uma pesquisa interna para descobrir qual nome seria melhor aceito pelo público.

Segundo a publicação, Cesar Tralli levou a melhor e é um dos favoritos para ocupar o posto. Ele foi transferido no ano passado para o Jornal Hoje, conduzindo a atração que pertencia à Maju Coutinho.

Ainda falando sobre William Bonner, vale lembrar que alguns boatos dão conta de que o jornalista teria pedido até para não apresentar os debates presidenciais deste ano, visando evitar um desgaste por conta da polarização política.

Segundo Romano, no entanto, ele está confirmado nos debates e em toda a cobertura das Eleições 2022. A primeira sabatina acontece dia 29 de setembro, dias antes do 1º turno. A segunda, se houver, acontecerá no dia 28 de outubro.

Top