Os personagens da TV que poderiam ser candidatos nas eleições de 2022

Atualmente, a política é um dos temas mais populares no Brasil, justamente por estarmos em período eleitoral. Isso significa que as pessoas estão em busca de informações sobre os candidatos, seja olhando o perfil de cada um, ou então as promessas feitas em campanha. Mas, e se as pessoas pudessem votar em personagens de ficção da TV, como o Ross Geller ou o Dwight Schrute? Como seriam as eleições em 2022? Alguns seriam excelentes candidatos, enquanto outros estariam um pouco afastados da democracia.

Nos últimos anos, várias séries de sucesso ganharam destaque pelo foco no aspecto político. Game of Thrones, da HBO, por exemplo, possui várias cenas de ação e de romance, mas é a disputa pelo poder que mais chamou a atenção durante os 73 episódios das oito temporadas. O público costumava eleger o favorito, justamente pela personalidade, para ficar com o trono. Esse debate político da ficção pode ser transportado para o mundo real, pois a política faz parte das nossas vidas.

Se olharmos para a Daenerys Targaryen, é possível reconhecer algumas características que fariam dela uma candidata em potencial nas eleições de 2022. Além de defender os animais, principalmente os dragões, ela é alguém em busca de justiça o tempo todo. Uma das promessas de campanha poderia até mesmo ser o fortalecimento militar, algo que foi prioridade na vida dela durante todas as temporadas de Game of Thrones.

No entanto, ela não é a única, como mostra o levantamento da Betway, site de apostas nas eleições. Ross Geller, citado no início do texto, também tem um potencial para se destacar na política. O personagem do icônico Friends é um dos mais queridos pelo público, justamente por características que o fortalecem como candidato. Por ser alguém com estudos, priorizaria o incentivo à cultura e ao patrimônio histórico, além de buscar um estado cada vez mais laico. O único desafio seria controlar o gênio explosivo.

 Políticos da comédia

Apesar de não ser um tema recorrente no gênero, a comédia é a fonte de muitos personagens da TV que conseguiram algum destaque nas eleições. Os fãs de The Office, por exemplo, não pensariam duas vezes em indicar Dwight Schrute. Esse vendedor de papel seria um líder preocupado com a segurança pública, com foco em áreas que podem fazer a vida das pessoas mais tranquilas. O único problema do personagem é o relacionamento com colegas de trabalho, um dos principais desafios durante boa parte da série.

Se o foco é meio-ambiente e urbanismo, a melhor pessoa para se eleger por aqui é Leslie Knope, de Parks and Recreation. A personagem já mexe com política durante todas as temporadas, então está pronta para qualquer cargo. Não iriam faltar propostas focadas no entretenimento, na igualdade e nos direitos femininos. A personalidade da protagonista poderia ser algo desafiador para melhorar, mas uma boa campanha arrumaria isso.

Todos esses perfis podem ser encontrados na reportagem feita pelo blog Betway Insider, que separou vários personagens da TV. Uma que merece mais destaque é Tasha Jefferson, a Taystee de Orange is the New Black. Além de ser uma representação importante, sobretudo por igualdade, a protagonista também traria propostas de comunicação, justiça penal e oportunidades na área de trabalho. Essa é uma das melhores indicações para 2022.

 Novelas com política

Não são apenas as séries estrangeiras que falam de política. Aqui no Brasil, a Globo tem feito isso com algumas produções. O remake de Pantanal, por exemplo, acrescenta alguns momentos e cenas que falam da política brasileira no interior. Isso se repete em outras novelas, importante para fazer do assunto mais interessante para todos os brasileiros.

Isso não significa que o tema deva ser abordado o tempo todo, mas alguns personagens podem se mostrar mais voltados para a política. Em novelas de época, esse é um assunto comum, mas poucos protagonistas ganharam tanto destaque. No estrangeiro, alguns personagens conseguem maior atenção como figuras públicas. É como citamos em Game of Thrones, onde Daenerys fala sobre política e poder durante todas as temporadas.

O ano de 2022 será marcado pelas eleições, mas isso não quer dizer que a ficção esteja de fora. Essa brincadeira de eleger candidatos de séries de TV é uma mostra disso, inclusive podendo ajudar os eleitores a se identificarem com algumas diretrizes políticas, sendo mais conservador ou mais liberal.

Philippe Azevedo
Escreve sobre televisão e famosos desde 2008
https://portalovertube.com/
Top