Taís Araújo critica nudez em Xica da Silva: "Desnecessária" - Portal Overtube Taís Araújo critica nudez em Xica da Silva: "Desnecessária" - Portal Overtube

Taís Araújo critica nudez em Xica da Silva: “Desnecessária”

Taís Araújo e Victor Wagner em Xica da Silva (Imagem: Reprodução)

Taís Araújo e Victor Wagner em Xica da Silva (Imagem: Reprodução)

A novela Xica da Silva, que foi ao ar na extinta TV Manchete entre setembro de 1996 e agosto de 1997, foi um dos primeiros grandes sucessos da carreira de Taís Araújo, que acumula hoje diversas protagonistas na televisão brasileira.

Hoje com 41 anos de idade, Taís tinha apenas 17 quando começou a gravar as primeiras cenas do folhetim. Durante uma live que foi ao ar pelo perfil Novela Xica da Silva HD, que existe justamente em homenagem à produção, ela relembrou o trabalho.

A respeito da nudez presente na novela, a atriz explica que não deletaria cenas com esse conteúdo, mas as trabalharia de forma diferente. “Eu faria as mesmas cenas sem a exposição dos corpos das mulheres. E elas teriam a mesma força, entendeu?”, opinou.

“A exposição é que é desnecessária. Eu conversaria com todas as atrizes e falaria: ‘Até onde você pode ir?’, ‘Até onde você quer ir’, ‘E aqui acho que não tem necessidade de mostrar esse peito, de mostrar essa bunda’… E assim a gente vai fazendo a cena”, disse a artista.

Veja também:

Márcio Gomes receberá na CNN Brasil salário 3 vezes maior que na Globo

Luan Santana é cotado para atuar no remake de Pantanal, da Globo

Na opinião de Taís Araújo, a história poderia ser contada com a mesma qualidade sem tanta nudez. “Para falar de uma mulher sexy, você não precisa deixar ela pelada, desconfortável”, comentou a contratada da Globo.

“Porque, na verdade, você não está mostrando essa mulher sexy. Você está causando no outro que está vendo outros sentimentos que não dizem respeito a essa mulher, dizem respeito a quem está vendo”, continuou.

Por fim, Taís opinou que a nudez deve ser revista em alguns casos. “O caso é que nessa época e em outras épocas o corpo da mulher sempre foi usado para ficar exposto, para subir o Ibope, para deixar a mulher exposta e constrangida. Ela foi usada a serviço do outro, um corpo usado a serviço do outro. Isso é muito cruel”, concluiu.

Top