Além da Ilusão: Benê aponta arma e Isadora entra na frente em defesa de ciganos

Davi e Isadora em Além da Ilusão

Davi e Isadora em Além da Ilusão

Em Além da Ilusão, Isadora (Larissa Manoela) baterá de frente com Benê (Claudio Jaborandy) para defender os ciganos que acabaram de chegar na vila operária.

Os estrangeiros não serão bem recepcionados pelos operários da tecelagem e a filha mais nova dos Tapajós até se colocará em frente a arma apontada por Benê para defender os visitantes.

Nas cenas que vão ao ar no capítulo desta terça-feira (22), Isadora e Augusta (Olivia Araújo) se encontrarão com Lyra (Maria Manoella) e seu cunhado Yanko (Bruno Bevan). “Que nosso dia seja de sorte! A moça é a dona da fazenda?”, perguntará a cigana, que espera um filho.

“Pra longe, vigarista! Ou chamo a polícia”, dirá Augusta. Em seguida, Isadora repreenderá a sua funcionária. “Mas o que é isso, Augusta, a moça só fez uma pergunta. Meu nome é Isadora, e essa fazenda é da minha mãe. Quem são vocês?”, questionará.

“Sou Lyra. E esse é meu shogoro, meu cunhado, Yanko. Perdoa a invasão. Mas meu povo está de passagem pela região e montamos uma tsera, uma barraca, nas suas terras”, explicará a mulher.

Leia mais no Portal Overtube:

O que é ‘gaslighting’? Entenda o termo usado para criticar Arthur Aguiar no BBB 2022

Tiago Abravanel revela se está arrependido de expor Silvio Santos no BBB 2022

Final de Um Lugar ao Sol: Ravi perde o controle com Christian e protege romance com Lara

Isadora sai em defesa dos ciganos em Além da Ilusão

Nos próximos capítulos de Além da Ilusão, apesar de terem explicado que estão vindo da Rússia fugindo da Segunda Guerra Mundial, os ciganos não conseguem convencer Augusta.

“Não dá ouvidos pra ela, Dorinha, cigano é uma gente sórdida, não valem tostão”, dirá Augusta.

“Augusta! Esqueceu que o seu povo também foi perseguido, escravizado? Vamos olhar para quem é diferente com mais carinho. É contra essas pessoas que se acham melhores que as outras que o Bento [Matheus Dias] e o Lorenzo [Guilherme Prates] foram lutar”, reagirá a filha de Violeta (Malu Galli).

Benê e Onofre (Guilherme Silva) organizarão um motim com outros operários da vila para despachar os ciganos para bem longe dali.

“Não queremos briga, não queremos confusão. São só alguns dias, é uma promessa! O cigano foge da guerra, mas a guerra encontra o cigano”, dirá Misha.

“Baixa essa arma, Benê! Não pode fazer isso! São apenas refugiados de guerra querendo uns dias de pouso. Que mal há nisso?”, dirá Davi, que chegará para ajudar os ciganos.

“Rafael está certo! Misha e seu povo não são inimigos. Eles podem ficar”, dirá Isadora, que chegará logo depois e se colocará em frente a arma apontada por Benê, em defesa dos estrangeiros.

Paulo Victor
Professor e entusiasta da sétima arte, atua na internet há mais de dez anos produzindo conteúdo sobre séries e cinema, aprecia a dramaturgia para as diferentes telas.
Top