Éramos Seis: Carlos leva tiro em manifestação e morre Éramos Seis: Carlos leva tiro em manifestação e morre

Éramos Seis: Carlos leva tiro em manifestação e morre

Carlos é baleado em Éramos Seis (Divulgação / TV Globo)

Carlos é baleado em Éramos Seis (Divulgação / TV Globo)

Nos próximos capítulos de Éramos Seis, depois da morte de Júlio (Antônio Calloni), Lola (Glória Pires) e sua família passarão por um outro momento trágico. Tudo começará quando Carlos (Danilo Mesquita) estiver andando pelas ruas de São Paulo e acabará no meio de uma manifestação. Ele tentará sair da aglomeração de pessoas, mas a polícia chegará e tentará dispersar a população com tiros.

No meio da confusão Carlos verá um rapaz tropeçar e tentará o socorrer. Neste instante, o filho mais velho de Lola será atingido por um tiro. Apesar de vários conhecidos de Carlos, como Adelaide (Joana de Verona) e Alfredo (Nicolas Prattes), estarem na manifestação, ninguém verá o ex estudante de medicina estirado no chão. Após a confusão passar, o socorro demorará a chegar.

Carlos chegará vivo no hospital, mas em estado grave. Toda sua família acompanhará seus último momentos, e ele acabará morrendo nos braços de Alfredo. Mas antes de partir, Carlos fará um apelo ao irmão: “Preciso pedir um favor… Tem que me prometer que não vai deixar a mamãe sozinha. Ela não merece… Alfredo, você agora é o responsável pela casa. Não deixa ela sozinha”.

Confira algumas imagens divulgadas:

População se manisfesta em Éramos Seis (Divulgação / TV Globo)
População se manisfesta em Éramos Seis (Divulgação / TV Globo)
Carlos (Danilo Mesquita) leva um tiro em Éramos Seis (Divulgação / TV Globo)
Carlos (Danilo Mesquita) leva um tiro em Éramos Seis (Divulgação / TV Globo)

Saiba o que mais vai acontecer em Éramos Seis e outras novelas com o resumo da semana.

Fique por dentro das novidades e babados do mundo dos famoso no Instagram.

 

Top