Éramos Seis: Desonestidade de Osório deixa Alfredo revoltado novamente Éramos Seis: Desonestidade de Osório deixa Alfredo revoltado novamente

Éramos Seis: Desonestidade de Osório deixa Alfredo revoltado novamente

Alfredo (Nicolas Prattes) em Éramos Seis (Reprodução / TV Globo)

Alfredo (Nicolas Prattes) em Éramos Seis (Reprodução / TV Globo)

Em Éramos Seis, Alfredo (Nicolas Prattes) e Tião (Izak Dahora) descobrirão que o patrão está envolvido em um esquema de contrabando de peças de carros importados. Sem receber o salário, os dois roubarão uma das peças contrabandeadas de Osório (Nicola Siri) como forma de vingança. Nos próximos capítulos, Osório pedirá para seus funcionários de má fé com os clientes e isso revoltará eles. Alfredo decidirá roubar mais uma peça de automóvel do patrão.

“Quando pegarem um carro, vejam se não acabam com todos os defeitos de uma vez… Porque senão a oficina fecha”, dirá Osório. “Então é para consertar, mas não consertar tudo, é isso o que senhor está falando?”, questionará Tião. O patrão dirá que sim, pois dessa forma os clientes voltarão para sua oficina.

Com Osório longe, Tião dirá: “O patrão é desonesto e acha que o empregado pra ser leal tem que ir pelo mesmo caminho”. Isso deixará Alfredo revoltado que decidirá roubar novamente o dono da oficina, ele dirá para o amigo: “Nas minhas contas, o Osório ainda está me devendo, nos devendo. Isso é o pagamento do nosso salário”. Contudo, desta vez Tião decidirá não participar do roubo, ele dirá que está sendo guiado pela sua consciência e pontuará: “Dessa vez, eu estou fora. Não quero, não”.

A cena está prevista para ir ao ar dia 13 de janeiro. Saiba o que mais vai acontecer em Éramos Seis e outras novelas com o resumo semanal.

Top