O Sétimo Guardião: Gabriel tenta prever os próximos passos de Olavo O Sétimo Guardião: Gabriel tenta prever os próximos passos de Olavo

O Sétimo Guardião: Gabriel tenta prever os próximos passos de Olavo

Gabriel (Bruno Gagliasso) e Valentina (Lilia Cabral) em O Sétimo Guardião

Gabriel (Bruno Gagliasso) e Valentina (Lilia Cabral) em O Sétimo Guardião

Em O Sétimo Guardião, desde que foi impedido por Valentina (Lilia Cabral) de se apossar do casarão, Olavo (Tony Ramos) não aprontou mais nada. Isso deixará Marcos Paulo (Nany People) preocupada. Afinal, Olavo pode surpreender e dar o próximo passo para conquistar a fonte a qualquer momento.

“Se pelo menos o Olavo tomasse uma atitude, fizesse alguma coisa… Aí animava o ambiente”, dirá Marcos Paulo para Gabriel. O guardião-mor responderá: “Não reclama: a gente já-já vai ficar com saudade dessa aparente paz de agora!”. A química se preocupará: “O pior é essa expectativa. Sabemos que ele vai atacar… Mas não sabemos como”. Valentina dirá: “Já falei: pra mim, vai ser nos braços do povo!”.

Marco Paulo falará: “Tou tão angustiada com isso, nem durmo direito de medo de acordar com aquele Sampaio do lado!”. Valentina responderá: “Sossega e espera… E reza, se quiser!”. A amiga dirá o que tem vontade de fazer: “Minha vontade é ir lá no sobrado perguntar pro Olavo o que ele está esperando pra cair de vez em cima da gente”. Gabriel dirá: “Eu sei o que ele está esperando”.

“Então me fala, criatura!”, pedirá Marcos Paulo. Gabriel responderá: “Está esperando chegarem as máquinas pra perfurar lá embaixo até achar o manancial”. Valentina acrescentará: “Mas pra isso, ele precisa expulsar a gente dessa casa antes”. Gabriel finalizará: “É bem nessa hora que vai acontecer aquilo que falei: vamos ter saudade dessa paz aparente!”.

Tudo pronto para o ataque

Enquanto isso, Olavo já estará com tudo pronto esperando o momento certo para atacar. “Eu estava esperando as máquinas… Estava!”, dirá o empresário para Laura (Yanna Lavigne). A filha perguntará: “Quer dizer que desistiu?”. O pai responderá: “Será que não aprende, Laura? Eu nunca desisto! Estou dizendo é que parei de esperar… Porque as máquinas perfuradoras já chegaram!”.

“Até que enfim vamos sacudir aquela casa do Gabriel! Onde elas estão?”, perguntará Laura. Olavo dirá que as máquinas estão em local seguro. Ela ainda perguntará: “E quando o senhor vai dar o próximo passo?”. Olavo responderá: “Não vai demorar muito…”, e deixará a filha na expectativa.

Top