Globo pode demitir 2.500 funcionários; tensão toma conta dos bastidores - Portal Overtube Globo pode demitir 2.500 funcionários; tensão toma conta dos bastidores - Portal Overtube

Globo pode demitir 2.500 funcionários; tensão toma conta dos bastidores

Globo (Reprodução)

Globo (Reprodução)

Os funcionários da Globo estão alarmados com as futuras demissões que devem ocorres nos próximos tempos. O projeto “Uma Só Globo” vai fundir as empresas do Grupo em uma única, o que vai gerar o fim de muitos departamentos.

Na última sexta-feira (8) o novo modelo de gestão foi apresentado e aumentou ainda mais a tensão nos bastidores. A “megafusão” da Globo, Globosat, GloboPlay, Globo.com e Som Livre deve acarretar na dispensa de 2.500 pessoas, segundo estimam alguns funcionários.

Os dados são do site Notícias da TV, que obteve informações a respeito da reestruturação através de fontes internas. Um ex-executivo do primeiro escalão da companhia afirmou que, ainda esse número pareça alarmista e exagerado, ele faz sentido.

O projeto “Uma Só Globo” trabalha em eliminar estruturas redundantes. Um exemplo é o departamento de recursos humanos, que será único para atender todas as empresas integradas no processo.

A publicação procurou a Globo para questionar a respeito das dispensas. Embora não tenha confirmado o número, ela revelou que, de fato, demissões acontecerão. “Todas as grandes empresas modernas passam por processos na busca de eficiência e evolução constante e, nesse contexto, é natural que se façam ajustes. Na Globo não é diferente”.

Atores pouco produtivos seguem na lista

Há algum tempo demissões estão acontecendo e apenas na semana passada foram cerca de 300 cortes, todos nos Estúdios Globo. Os profissionais mais afetados são os que desempenham cargos administrativos e jurídicos, por exemplo.

Uma outra fonte garante que jornalistas, atores, autores e diretores de novelas e séries não correm riscos de demissão. Mesmo aqueles que trabalham atrás das câmeras e ficam sem ter um produto no ar por um longo período, serão mantidos.

Tal regra não cabe para atores que produzam pouco. Artistas que não estejam disponíveis para trabalhos na emissora, poderão trabalhar por obra certa. Atualmente, esse é o caso de Bianca Bin e Bruno Gagliasso, por exemplo.

Top