Repórter do SBT se emociona ao acompanhar caso de menina de 5 anos que foi despejada - Portal Overtube Repórter do SBT se emociona ao acompanhar caso de menina de 5 anos que foi despejada - Portal Overtube

Repórter do SBT se emociona ao acompanhar caso de menina de 5 anos que foi despejada

Ranilson Oliveira se emocionou com história (Reprodução)

Ranilson Oliveira se emocionou com história (Reprodução)

O jornalismo da TV Ponta Negra, afiliada do SBT no Rio Grande do Norte, acompanhou um caso bastante triste e que gerou muita comoção no estado. A reportagem em questão foi acompanhada pelo repórter Ranilson Oliveira.

A prefeitura de São Gonçalo do Amarante, cidade que fica na região metropolitana de Natal, solicitou que 30 famílias desocupassem um local de proteção ambiental. Por ali, casas haviam sido construídas por essas pessoas, que não tinham para onde ir.

Elas acabaram sendo surpreendidas na manhã desta quarta-feira (7), quando a própria prefeitura decidiu enviar caminhões que derrubaram todas as casas construídas por ali, deixando as famílias desabrigadas.

Durante a reportagem, Ranilson Oliveira conversou com uma garota de apenas 5 anos que chorava e mostrava seu desespero por ela e seus pais não terem onde se abrigar. Além disso, disse que só queria um lugar para guardar seus brinquedos.

“Eu quero uma casa para minha mãe, para minha pai. Eu não tenho uma casa para morar. Eu só queria uma casa para morar e guardar os meus brinquedos”, disse a menina, aos prantos, emocionando o repórter do SBT.

A mãe da criança afirmou na entrevista que não consegue pagar aluguel e contou que sobrevive com a ajuda do Bolsa Família. “É difícil você olhar para uma criança que tem apenas 5 anos, que está chorando e pedindo para ter uma casa. Essa é a parte difícil de você estar nas ruas, de você sentir a dor do próximo”, disse o repórter depois de conversar com a menina.

A própria TV Ponta Negra publicou o trecho do vídeo em seu perfil oficial no Instagram. Confira logo abaixo.

Top